Beleza e Saúde

7 MELHORES ANTIBIÓTICOS NATURAIS

7 MELHORES ANTIBIÓTICOS NATURAIS

 

Antibióticos são medicamentos comuns usados para combater infecções causadas por bactérias, mas o uso excessivo de antibióticos pode ter efeitos colaterais prejudiciais à saúde, como a destruição da flora intestinal, o que pode levar a problemas digestivos e imunológicos. Felizmente, existem alternativas naturais para os antibióticos sintéticos. Neste artigo, vamos falar sobre os 7 melhores antibióticos naturais.

  1. Alho

O alho é um dos antibióticos naturais mais conhecidos. Além de ser um tempero padrão na maioria das cozinhas do mundo, o alho é capaz de inibir o crescimento de bactérias como a Campylobacter jejuni, que pode causar sintomas como diarreia, cólicas abdominais e febre. O alho também possui propriedades expectorantes, antifúngicas e antibacterianas, sendo indicado para o tratamento de várias condições, incluindo asma, sinusite, faringite, gripe e resfriado. O alho é rico em vitaminas A, C, B1, B2 e B6, além de possuir diversos minerais e alicina, uma substância antimicrobiana que inibe o crescimento e a proliferação de bactérias, vírus e fungos.

  1. Equinácea

A equinácea é uma planta medicinal que pode ser usada como um antibiótico natural e um estimulante da imunidade. Ela ajuda a combater bactérias, fungos, vírus e outros tipos de agentes infecciosos. A equinácea não deve ser usada por mais de dois meses consecutivos, pois o organismo pode criar resistência. Ela é eficaz contra o resfriado, gripe, infecções vaginais por fungos, infecções das vias urinárias, amigdalite, bronquite, sinusite, herpes genital e herpes oral.

  1. Gengibre

O gengibre é um dos remédios mais potentes para o tratamento do resfriado comum e da gripe. Ele é rico em antioxidantes e possui propriedades anti-inflamatórias, antibacterianas e antivirais. O chá de gengibre fresco é a melhor forma de usar o gengibre como um antibiótico natural.

  1. Própolis

O própolis é uma substância produzida pelas abelhas que pode ser usada como um antibiótico natural. O extrato de própolis é fonte de flavonoides e alguns ácidos que interferem na parede celular das bactérias, impedindo que elas se multipliquem. O própolis pode ser útil na prevenção de infecções e na redução de sintomas como dor de garganta, tosse, gastrite, afta e mau hálito.

O quinto antibiótico natural é o orégano.

Ele possui uma substância chamada carvacrol, que é responsável pelas suas propriedades antimicrobianas. Além disso, o orégano também é rico em antioxidantes e possui propriedades anti-inflamatórias. O óleo essencial de orégano pode ser utilizado para combater infecções fúngicas, bacterianas e virais, além de ser indicado para aliviar sintomas de resfriado e gripe.

O sexto antibiótico natural é a equinácea,

uma planta que ajuda a estimular o sistema imunológico e possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes. Ela é indicada para prevenir e tratar infecções respiratórias, como gripes e resfriados, além de ajudar no tratamento de infecções urinárias, otite e infecções dentárias.

Por fim, o sétimo antibiótico natural é o mel.

Além de ser um adoçante natural, o mel possui propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias. Ele é indicado para aliviar sintomas de tosse e dor de garganta, além de ser utilizado para cicatrização de feridas e prevenção de infecções.

É importante ressaltar que, apesar de serem naturais, esses antibióticos não devem ser utilizados sem acompanhamento médico e não substituem o uso de antibióticos de farmácia em casos de infecções graves. Eles são ótimos complementos para ajudar no tratamento de diversas condições de saúde, mas é sempre importante seguir as orientações do seu médico.

 

Botão Voltar ao topo